fbpx

5 Dicas práticas de iluminação para vídeos que são essenciais principalmente para quem está começando a fazer suas primeiras produções, mas não conhecem a necessidade de uma boa iluminação ou como usar este recurso.

Luz, câmera…ação!

Não é à toa que numa tomada de cena a “luz” seja a primeira palavra a ser mencionada. É a luz que determina o foco para o qual o olhar do espectador será direcionado, além de ser um importante recurso visual, pois sem a luz, não há imagem.

Com estas 5 dicas práticas de iluminação para vídeos, você já pode começar a gravar com o seu Smartphone ou câmera HDSLR sem medo de errar. Então, vamos à elas:

1) Iluminação x Smartphone – Como ajustar estes dois componentes?

É necessário, antes de mais nada, considerar que geralmente os aplicativos instalados de fábrica no Smartphone não vêm com controle de ISO, Velocidade e Abertura, o que não permite regular uma abertura de lente, a quantidade de ISO manualmente (funções possíveis em uma câmera HDSLR, por exemplo).

2) Vídeos com fundo preto:

No caso do iPhone, é possível instalar um programa chamado FILMICPRO ou o ULTRAKAM que permitem algumas funcionalidades, como: travar o foco da lente e também a exposição de luz, permitindo que você aumente a exposição de luz, abrindo o sensor e neutralizando qualquer problema em vídeos com fundo preto.

3) Vídeos com fundo branco (ou claro):

Neste caso, você precisa iluminar o fundo, sendo que esta luz não pode ser na mesma intensidade da que está te iluminando (veja a demonstração no vídeo), ou seja, é necessário que a iluminação do fundo seja mais preponderante em relação à luz que está direcionada para você (de frente para você), de forma que a câmera não capte qualquer sombra atrás de você.

Em termos práticos: Uma iluminação (softboxes laterais) neutraliza a iluminação frontal, esta combinação não permite o aparecimento de sombra entre você e o fundo.

4) Temperatura da cor:

No caso da Nina, o problema não está na amperagem da lâmpada e sim na TEMPERATURA DE COR.

A Temperatura de Cor é uma característica da luz que vemos. Existe uma medida de temperatura de cor muito utilizada no ramo da fotografia e dos vídeos, e suas características são descritas em KELVIN. Esta medição é baseada da seguinte maneira:

Uma luz com temperatura de cor mais alta, terá mais luz azul (maior valor Kelvin, portanto), enquanto uma luz mais baixa terá mais luz vermelha (menor valor Kelvin).

No caso dos vídeos, o ideal é você utilizar lâmpadas brancas entre 5.000 e 5.500 K.

5) Quanto aos tipos de lâmpadas:

Conforme já mencionado, no caso dos vídeos, o ideal é você utilizar lâmpadas brancas entre 5 e 5.500 K (dados que podem ser facilmente identificados na embalagem da lâmpada). As lâmpadas com estas características facilitam muito na hora de regular a cor do seu vídeo.

Além disso, você não precisa se preocupar com potência, ou seja, não é necessário usar lâmpadas ultra potentes para fazer os videos. Basta aproximar os softbox de você.

O segredo está na luz certa, na quantidade ideal e na distância certa! Para chegar ao ponto ideal de iluminação, você precisa fazer seus testes e chegar ao que você considerar ideal nas suas produções.

Te convido a conferir o vídeo abaixo (onde eu respondo a pergunta de uma das minhas seguidoras) e exponho mais detalhes que vão te ajudar a entender com bastante clareza e de forma bem dinâmica o segredo de uma boa iluminação para vídeos.

Fique à vontade para mencionar a sua opinião aqui nos comentários e compartilhar estas dicas com seus amigos!

Gostou da dica? Tem alguma dúvida? Deixe seu comentário aqui abaixo.

Assista o vídeo na íntegra:

Michael Oliveira

Michael Oliveira é um apaixonado por vídeos e vem ensinando empreendedores a criar um negócio altamente lucrativo através da metodologia da Produtora Enxuta, que é mais do que uma produtora comum... uma verdadeira Agência de VideoMarketing para negócios locais!

Visualizar todos os Posts

Adicionar comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *